Quem sou eu

Acho que chega um momento em que eu tenho que falar de mim mesma.
Até porque, se eu estou falando para vocês irem ou não a algum lugar, é necessário que vocês me entendendam e saibam quem eu sou.
 
Eu faço Direito na PUC e sou completamente apaixonada pelo meu curso. Quero fazer Direito desde que tenho 10 anos e hoje vivo de realizar meu sonho. Isso às vezes me faz ficar perdida. Como realizei meu sonho muito nova, eu não sei o que quero fazer daqui pra frente. Isso me assusta e todo dia eu acordo sonhando em seguir um ramo diferente do Direito. Sabe criança que um dia quer ser astronauta, cantora, bailarina, jogador de futebol? Eu não era assim quando era criança (tá, eu queria ser cantora, mas desisti aos 10 anos), então acho que atrasei um pouco o meu dilema.
 
Eu sou Católica, e essa é uma das minhas principais características. Frequento a Igreja e vivo tentando ser uma cristã melhor, o que nem sempre é fácil, pois parece que o mundo quer que eu abandone a minha religião para me tornar mais moderna. Eu sou completamente apaixonada por Deus e ele é meu amigo mais querido, minha história de amor.
 
Nasci de música, vivo música, respiro música e,se estou calada, estou cantando na minha cabeça. Acho que cantei antes de falar.
(Inclusive, os bons perceberão que eu coloco várias músicas dentro dos posts. Não posso negar que vem do meu âmago.)
Quando eu era pequena, meu sonho era ser cantora – e chamar Sandy. Fiz aula de canto por um tempo e pretendia dedicar minha vida a isso. Mas, depois, eu assisti Legalmente Loira e percebi que queria mesmo era ser advogada (Me condenem, escolhi minha profissão por causa desse filme). E foi então que tomei a decisão mais difícil da minha vida! Alguns meses depois eu fiz 10 anos.
 
Sou filha dos meus pais, irmã da minha irmã e namorada do meu namorado!
 
Minha paixão por comer começou nova. Meu pai chegava em casa de noite e cozinhava para mim para a minha mãe, sempre comigo do lado. Graças a ele eu aprendi que só podemos confiar em alguém que goste de comer! Hahaha
E aí a paixão começou!
Em relação a comida eu sou chata! Muito chata! Eu só como carne extremamente mal passada, sendo assim eu não gosto de costela, não gosto de carne de panela, não gosto de lagarto, não gosto de quibe.
Não gosto de doces. A comida de sal não permite. Como muito, nunca sobra espaço!
Meu pai conta uma história de que um dia ele comeu muito, começou a passar mal e meu avô falou que era para ele colocar o dedinho na garganta. Ele disse que se coubesse o dedinho ele comeria mais uma empadinha.
Eu me sinto assim com doce, se coubesse um brigadeiro eu comeria mais um pão de queijo!
Eu não como nada que vem da água (por água subentende-se rios, mares, lagos, represas, poças d água, pia, aquário, oceano, banana d água – OPA, SE TEM ÁGUA NO NOME EU NÃO COMO!).
Sou apaixonada por Coca-Cola e viveria basicamente disso! Eu não bebo, detesto gosto de álcool.
Mas desde que sai do meu terceiro ano – isso faz um tempo – eu engordei, e esse ano fui para a nutricionista. Estou mudando minha relação com a comida e aprendendo que ela não é feita só de alegria, ou estou tentando achar alegria em suco de soja, hambúrguer de soja, quibe de soja, iogurte, pão integral, queijo cottage. Detesto salada, mas como todos os dias. Detesto legumes e consegui convencer minha nutricionista a me deixar abandoná-los. Ser saudável não é fácil, mas descobri que com força de vontade da até pra fingir que é feliz. É assim: a gente pega um wrap integral, põe queijo e tomate e finge que é uma pizza margherita; Pega um hambúrguer de soja com pão integral e finge que é Duke n` Duke; pega whey protein e finge que é Milk Shake; Come cookies de chocolate integral e finge que é Lindt! E fica torcendo pra chegar o final de semana e poder sair um pouquinho do regime!
 
Não, eu não como tudo que posto! Vejam, eu tenho, algo em torno de 20 anos (há há há) e já fui em alguns restaurantes e cozinhei algumas vezes, então o fato de eu postar uma coisa não quer dizer que e acabei de comer!
 
Basicamente essa sou eu!
 
Beijos,
 
Paulinha
Advertisements

6 thoughts on “Quem sou eu

  1. betinatribeiro says:

    Não preciso nem falar que morri de rir lendo né? Hahahaha vc é otima, Paulinha! (e eu ainda apoio a carreira de cantora)

    • Para falar a verdade says:

      hahahaha…
      só posso ser cantora se o juiz me deixar fazendo uma sustentação oral no tribunal cantando

  2. Luisa says:

    Gente, uma amiga me indicou esse blog e eu li um tanto de posts de uma só vez, descobri um lugar para almoçar hoje e já salvei no “Favoritos”. Quando, de repente, vendo as fotos da viagem ao Chlie, percebi que já te conhecia… Fui sua prof particular na salinha da Flora!!! Kkkkk! Lembra!? Matemática, física, desenho…. Argh! Com certeza, comer é beeem melhor!!! Adorei o blog! Beijos, Luisa

    • Para falar a verdade says:

      Luisa, quanto tempo!
      Fiquei tão feliz com o comentário! Adorei vc ter me achado!
      Claro que lembro de você ne, formei com a sua ajuda! Hahahah

      Que bom você gostou do blog! Mas afinal, aonde você foi?

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s