Tirando visto nos EUA

Fui para o RJ esse final de semana.

– O Passo a passo para tirar visto eu não fiz, pois confesso que é um pouco complicado, mas clique no link aqui pra baixo e você será redirecionado para um site ótimo que explica tudo direitinho. De toda forma, o Lucas fez tudo por conta própria, sem contratar despachante, e o processo todo não demorou mais de 20 dias, desde o início do preenchimento do formulário até o dia que o passaporte chegou em casa com o visto.

http://www.aprendizdeviajante.com/index.php/2012/04/20/visto-para-os-estados-unidos-passo-a-passo-para-solicitacao/

O motivo da nossa viagem era o visto, mas é claro que não podiamos deixar de aproveitar a cidade maravilhosa.

Eu particularmente não gostava muito do Rio, tinha aflição de pensar no calor.  Mas convenhamos que BH não está muito diferente, ne?

Chegamos na cidade com tempo nublado e temperatura média de 25ºC. Para mim tava bom.

Chegamos no sábado e o visto era na segunda de manhã. (Primeiro ponto, se você puder chegar na cidade antes é melhor, pois visto é caro e perder o horário dele seria uma grande furada).

Chegamos lá sábado na hora do almoço e fomos comer no Joe & Leo’s no Shopping Rio Sul. Achei o restaurante bem caro, tipo hambúrguer a R$ 40,00 não é pra mim.
Pedimos uma porção de entrada que eram varias entradas da casa: Nachos, Batata com cheddar e bacon, Buffalo Wings e Chicken Strips.

foto 2 (1)
Achei gostoso, mas estava bastante gorduroso.

Pedimos também aquelas casquinhas de pizza, sabe? Muiiiito gostosa!

foto 1
Tinha Coca (Uhul), mas eles cobravam 12% de serviço (vai saber porque).

Saímos de la e fomos passear na praia (mineiro é assim, ne? Ta na cidade há 2 horas, a previsão é de chuva, o tempo ta nublado, mas tem que ir a praia). Caminhamos pela orla para queimar as gordurinhas do almoço e fomos ver o “pôr do sol” no Arpoador (ta entre aspas porque o dia estava nublado, logo não havia sol para se pôr).

foto 1 (1)

A noite queria ir ao Paris 6, cheguei la as 21h e tinha fila de espera de 58 mesas!!! Gente, pior que Outback na sexta a noite no Patio! Fiquei muito horrorizada. Fomos embora (óbvio) mas como estávamos na Barra optamos por lanchar no Chez Michou.

Quando eu era mais nova, toda vez que ia a Búzios tinha que comer no Chez Michou, era tipo a parte mais importante a viagem. E como eu não vou muito a praia fiquei com a imagem do restaurante mais legal de buzios. Fiquei chocada quando no Rio me deparei com a creperia meio  decadente. Sabe, lugar meio feinho, cardapio velho, gasto. Sabores de crepe antigos, nenhum parma :/
Pedi uma crepe de muçarela e tomate e uma Coca sem gelo e sem limão mesmo. A conta ficou em uns R$ 25,00.

No Domingo de manha fomos à missa no mosteiro. Que lugar maravilhoso! Como as igrejas barrocas, por fora é uma igreja até sem graça, mas ao entrar o queixo cai, QUANTO OURO!!!

A Igreja tava em reforma, então foi muito estranho assistir a missa entre andaimes, mas isso não tirou a beleza da celebração.
Os cantos são todos gregorianos, coisa mais linda!!!
Como o mosteiro é pequeno assistimos a Santa Missa inteira em pe, mas fui feliz de qualquer forma.
Indico muito essa celebração maravilhosa para quem for à Cidade.

foto 2 (2)
Saímos de la com vários planos. Queria ir a praia, andar de bicicleta na orla (mas eu não sei andar de bicicleta, então isso dificultou o plano ser executado), ir em uma padaria fofa chamada Boulangerie Guerin, almoçar cedo e leve para voltar no P6 à noite e conhecer os arcos da Lapa.

No final, eu fui a praia! Hahahaha
Mineiros, claro.
Detalhe é que o tempo estava nublado, mas ok.
Comi biscoito Globo e tomei um Matte geladíssimo (Como eu amo Matte).

foto 3
No almoco fui conhecer o famoso Balada Mix e apaixonei!!! Eu sou louca com o Projeto Sabor, mas esse balada Mix é incrivelmente especial.
No cardápio tem mil opções, vários tipos de sucos diferentes, crepes, sanduíches variados e opção de carne com acompanhamento.
Eu pedi um sanduíche de brie, file muito mal passado e molho de cogumelo.
O preço sem acompanhamento é de R$ 20,00 e eu meiei com o Lucas.
Sensacional!!! O sanduíche é grande, mas para quem estiver com fome não vale a pena meiar não, nos só fizemos isso porque almoçamos bem tarde e iriamos jantar cedo.
De suco eu pedi o Matte da casa, mas arrependi e queria ter pedido o suco de uva. O sabor do suco de uva é coisa incrível demais!! Muito diferente do que estamos acostumados a beber.

foto 4

A noite fomos no Paris 6, chegamos lá às 20h e tinha uma mesa para duas pessoas.
Aí agora vem a parte polemica do post.
Eu não curti.
Tipo o cardapio é um tanto quanto enlouquecedor, tem trezentas mil opções de pratos, fiquei muito desesperada.
Achei caro, ok preço de restaurante bom em BH.
Os pratos variavam entre R$ 49,00 e R$ 80,00.
Eu pedi um Carbonara (R$ 49,00) achei completamente sem sabor, mas acho que vacilei muito, pois pedi para tirar o azeite de trufa e acho que esse sabor teria feito muita diferença no prato.

foto 2 (3)
O Lucas, por outro lado, pediu um Parmegianna (R$ 75,00) que segundo ele estava bem gostoso, mas muito quente, ele queimou a boca em todos os pedaços (assim, eu provei e particularmente achei o Armazém Parmiggiano muito melhor, mais barato e serve duas pessoas).

foto 1 (2)
Em relação aos pratos principais fiquei decepcionada.
A sobremesa, lógico, foi o Gran Gateau (R$ 26,00). Esse sim é bom, mas sensacional também não. Achei doce, muiiiito doce.
Era bolo de chocolate, com picolé de chocolate com calda de creme de avelã com leite condensado.

foto 3 (1)
Mas eu não gosto muito de doce, dei tipo 3 colheradas e desisti. O Lucas amou, falou que quer voltar lá para comer novamente, então acho que essa parte varia muuiiiito de opinião.

Assim, o lugar é lindo, o atendimento foi bom, a comida chegou rápido (tipo muito rápido, em uma hora chegaram todos os pratos, a sobremesa e a conta), mas eu não achei que a comida valesse o preço.
Pagar caro para algo bom é uma coisa, para algo mais ou menos é outra.

Segunda foi dia de tirar visto!
Dicas:
– Não leve o seu celular, você não tem onde deixar ele e não pode entrar com celular. (Se você quiser deixar com o pessoal que fica na porta o serviço é em torno de R$ 5,00. Eu, particularmente, não tenho coragem)
– Eles são beeeem pontuais, e muitas vezes até adianta um pouco o horario. Esteja lá tipo meia hora antes do seu horário, mas não chegue muito antes disso que é bobagem
– Não vá de carro. É beeeem no centro do RJ. Melhor ir de taxi ou de metrô.
– Leve documentos que comprovem que voce não pretende ir pros EUA para morar ilegal lá. Então, todos os documentos que você tiver é bom levar. Eles andam numa fase beeem light com o Brasil, nem pedem pra ver os documentos, maaas, vai que você é o azarado do momento.

Visto tirado, é hora de voltar pra BH, mas não sem antes almoçar no Pizza Hut! #VoltapraBHPizzaHut

foto 4 (1)

foto 5

É basicamente isso!

Espero que o post ajude!

Qualquer dúvida, pode perguntar!

Beijos,

Paulinha

Advertisements